PASTORAL: OS TRÊS TIPOS DE HOMENS DA BÍBLIA QUE EXISTEM NA IGREJA DE HOJE

O FAROL Nº 1145 – de 11 a 17.10.09

“O homem natural não aceita as coisas que vêm do Espírito de Deus,  pois lhe são loucura; e não é capaz de entendê-las, porque elas são discernidas  espiritualmente.” (I Co. 2:14)

O propósito desta Pastoral é conduzir a cada um de nós à reflexão sobre a qual tipo de homem nós nos identificamos: ao Homem natural, ao crente carnal ou ao crente espiritual.

A bíblia fala dos três tipos de homens, cada um representando um estado espiritual que, pelo seu comportamento, se comparam ao Egito (Homem natural – v.14), ao deserto (crente carnal – 3:1 a 9) e à Canaã (Homem espiritual – v.15). É uma fotografia em branco-e-preto do estado de vida espiritual da Igreja dos nossos dias. Resumindo:

I – EGITO: é comparado ao Homem natural, sem Deus, sem Cristo, apenas criatura. Simboliza também o mundanismo, o maligno, a escravidão: Gn. 12:10 – Abrão desceu topograficamente da Mesopotâmia para o Egito porque “Houve fome naquela terra, e Abrão desceu ao Egito para ali viver algum tempo, pois a fome era rigorosa.”

II – DESERTO: é comparado ao crente carnal. É o estágio intermediário na caminhada entre o Egito (mundo) e Canaã (espiritual). Deserto não é lugar de descanso, mas de peregrinação. Deus não permitiu caminho mais curto na caminhada do povo de Israel na sua saída do Egito e volta para Canaã: “Durante os quarenta anos em que os conduzi pelo deserto’, disse ele, ‘nem as suas roupas, nem as sandálias dos seus pés se gastaram.” – Dt. 29:5. Crente carnal é semelhante ao deserto: saiu do Egito (mundo), mas não vive em Canaã (espiritual).

III – CANAÃ: é comparada ao crente espiritual. Canaã é terra de promessa do Senhor, de abundância, de vitória. É terra conquistada passo a passo, palmo a palmo – Js.1:3: “Como prometi a Moisés, todo lugar onde puserem os pés eu darei a vocês.”

Analisando cada tipo de homem na bíblia:

I – O HOMEM NATURAL

É declarado na bíblia – v.14 – “Ora, o homem natural não aceita as coisas do Espírito de Deus, porque lhe são loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente.” (ERA)

É Natural porque não passou pelo “novo nascimento”, não nasceu do Espírito Santo, não se converteu. Tem coração endurecido, está em trevas, no pecado: “Assim, façam morrer tudo o que pertence à natureza terrena de vocês: imoralidade sexual, impureza, paixão, desejos maus e a ganância, que é idolatria.” Cl. 3:5
Seu retrato é descrito na bíblia: O homem faz o mal porque é pecador e não é pecador porque faz o mal.
O homem natural é nascido com a possibilidade de pecar, em pecado: “Sei que sou pecador desde que nasci, sim, desde que me concebeu minha mãe.” Sl. 51:5.
É cego espiritualmente vivendo em trevas: “Mas se o nosso evangelho está encoberto, para os que estão perecendo é que está encoberto. O deus desta era cegou o entendimento dos descrentes, para que não vejam a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus.” 2 Co. 4:3 e 4
É de coração pervertido e mau: “Pois do interior do coração dos homens vêm os maus pensamentos, as imoralidades sexuais, os roubos, os homicídios, os adultérios,  as cobiças, as maldades, o engano, a devassidão, a inveja, a calúnia, a arrogância e a insensatez. Todos esses males vêm de dentro e tornam o homem ‘impuro’ ” Mc.7:21 a 23
É pervertido em suas inclinações: “Trocaram a verdade de Deus pela mentira, e adoraram e serviram a coisas e seres criados, em lugar do Criador, que é bendito para sempre. Amém.” Rm 1: 25
Têm prazer em fazer o mal: “Vocês estavam mortos em suas transgressões e pecados, nos quais costumavam viver, quando seguiam a presente ordem deste mundo e o príncipe do poder do ar, o espírito que agora está atuando nos que vivem na desobediência.  Anteriormente, todos nós também vivíamos entre eles, satisfazendo as vontades da nossa carne, seguindo os seus desejos e pensamentos. Como os outros, éramos por natureza merecedores da ira.” Ef. 2. 1 a 3
É inclinado para a morte e é inimigo de Deus: “A mentalidade da carne é morte, mas a mentalidade do Espírito é vida e paz;  a mentalidade da carne é inimiga de Deus porque não se submete à Lei de Deus, nem pode fazê-lo. Quem é dominado pela carne não pode agradar a Deus.” Rm.8:6 a 8
Está perdido! “…pois todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus.” Rm. 3:23
O Homem natural pertence ao Reino de Satanás
Há dois reinos: o Reino de Deus e o principado do diabo. Em cada reino só se entra por nascimento: “O que nasce da carne é carne, mas o que nasce do Espírito é espírito.” Jo.3:6
A humanidade está no maligno: “Sabemos que somos de Deus e que o mundo todo está sob o poder do Maligno.” I Jo.5:19
Só o novo nascimento pode tirá-lo do reino das trevas e transportá-lo para o Reino de Deus. Para isso, o homem precisa querer morrer no reino das trevas e nascer no Reino de Deus – da Luz. E não nada a ver com a teoria da reencarnação: “Pois ele nos resgatou do domínio das trevas e nos transportou para o Reino do seu Filho amado,  em quem temos a redenção, a saber, o perdão dos pecados..” Cl 1.13-14.
O Homem natural é apenas criatura e não filho de Deus.
Devemos ter cuidado com a expressão vulgar e diabólica: “todos somos filhos de Deus…”. Mentira! Todos somos criaturas. Filhos são só os que nasceram em Cristo. “O que nasce da carne é carne, mas o que nasce do Espírito é espírito.” Jo.3:6. É criado à imagem de Deus, desfigurada pelo pecado.
O único jeito para se tornar filho de Deus é nascer espiritualmente em Cristo: “(Cristo) Veio para o que era seu, mas os seus não o receberam. Contudo, aos que o receberam, aos que creram em seu nome, deu-lhes o direito de se tornarem filhos de Deus, os quais não nasceram por descendência natural, nem pela vontade da carne nem pela vontade de algum homem, mas nasceram de Deus.” Jo. 1:11 a 13
Gato é sempre gato; não basta parecer-se com onça: “Será que o etíope pode mudar a sua pele? Ou o leopardo as suas pintas? Assim também vocês são incapazes de fazer o bem, vocês, que estão acostumados a praticar o mal.” Jr 13:23.
Só o poder de Deus pode fazer o milagre do novo nascimento. “Não há salvação em nenhum outro, pois, debaixo do céu não há nenhum outro nome dado aos homens pelo qual devamos ser salvos” At 4.12
A imagem de Deus estava desfigurada no Homem. O novo nascimento remove o pecado e faz renascer a imagem de Cristo: “E, assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura;   as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fizeram novas.” 2 Co. 5:17
II – O CRENTE CARNAL

Antes, era apenas criatura, homem pecador. Convertido, se torna crente em Jesus. Mas se sua vida não foi realmente transformada pelo Espírito Santo, é um crente carnal: “Irmãos, não lhes pude falar como a espirituais, mas como a carnais, como a crianças em Cristo.       Dei-lhes leite, e não alimento sólido, pois vocês não estavam em condições de recebê-lo. De fato, vocês ainda não estão em condições, porque ainda são carnais. Porque, visto que há inveja e divisão entre vocês, não estão sendo carnais e agindo como mundanos?” 1 Co.3:1 e 2

Paulo fala em Homem natural (2:14), Homem espiritual (v.15), e Homem carnal (3:1)

O crente carnal é salvo mas não dá liberdade ao Espírito Santo: “Não entristeçam o Espírito Santo de Deus, com o qual vocês foram selados para o dia da redenção.” Ef. 4:30Conforma-se com a salvação e não se interessa pelo galardão. É oportuno que se faça a diferença entre ambas:
Salvação é o que Deus nos dá de graça, por amor, através de Cristo. Depende do que Cristo fez por nós e de nossa fé nEle: “Pois vocês são salvos pela graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus; não por obras, para que ninguém se glorie.”  Ef. 2:8 e 9
Galardão é o que Deus nos dá como prêmio pelas obras que nós, salvos, fazemos pela expansão do  Reino de Deus, na salvação dos perdidos. Depende do que fazemos por Cristo e pelo Seu Reino. Não nos esqueçamos que o fogo é a prova de Deus: “Porque ninguém pode colocar outro alicerce além do que já está posto, que é Jesus Cristo.  Se alguém constrói sobre esse alicerce usando ouro, prata, pedras preciosas, madeira, feno ou palha,  sua obra será mostrada, porque o Dia a trará à luz; pois será revelada pelo fogo, que provará a qualidade da obra de cada um. Se o que alguém construiu permanecer, esse receberá recompensa.  Se o que alguém construiu se queimar, esse sofrerá prejuízo; contudo, será salvo como alguém que escapa através do fogo.” 1 Co. 3:11 a 15
Seu Retrato é descrito na bíblia:
Anda segundo a vontade da carne, ou sua natureza pecaminosa:“Por isso digo: Vivam pelo Espírito, e de modo nenhum satisfarão os desejos da carne. Pois a carne deseja o que é contrário ao Espírito; e o Espírito, o que é contrário à carne. Eles estão em conflito um com o outro, de modo que vocês não fazem o que desejam.” Gl. 5:16 e 17
Vive em infância espiritual: “Irmãos, não lhes pude falar como a espirituais, mas como a carnais, como a crianças em Cristo. Dei-lhes leite, e não alimento sólido, pois vocês não estavam em condições de recebê-lo. De fato, vocês ainda não estão em condições, porque ainda são carnais. Porque, visto que há inveja e divisão entre vocês, não estão sendo carnais e agindo como mundanos?” 1 Co. 3:1 a 3
Criança é a pessoa que não cresceu. É dependente, não sabe o que quer e o que faz. É instável: chora à toa e ri por qualquer coisa, à toa. É ingênua e fraca. Alimenta-se de leite. – Vive em briguinhas e sempre com problemas. É imatura e irresponsável. Vive em ciúmes e contendas. Ciúmes é falta de confiança em si mesmo: “porque ainda são carnais. Porque, visto que há inveja e divisão entre vocês, não estão sendo carnais e agindo como mundanos?” 1 Co. 3:3
Produz obras da carne como o homem natural: “Ora, as obras da carne são manifestas: imoralidade sexual, impureza e libertinagem;  idolatria e feitiçaria; ódio, discórdia, ciúmes, ira, egoísmo, dissensões, facções e inveja; embriaguez, orgias e coisas semelhantes. Eu os advirto, como antes já os adverti: Aqueles que praticam essas coisas não herdarão o Reino de Deus.” Gl. 5:19 a 21
Vive em grandes conflitos porque quer satisfazer seu EGO: “Pois a carne deseja o que é contrário ao Espírito; e o Espírito, o que é contrário à carne. Eles estão em conflito um com o outro, de modo que vocês não fazem o que desejam.” Gl. 5:17
Tem sérias dúvidas sobre a bíblia; está comprometido com o modernismo teológico; não ora, não lê a bíblia, não dá valor à comunhão entre os irmãos; aceita e defende o ecumenismo tal como aí está e se propaga; não crê que o batismo no Espírito Santo e as manifestações dos dons espirituais são para hoje;
Não vive em santidade e pureza, principalmente na área sexual; é vaidoso e usa moda exagerada; não tem paz completa em seu coração;
Vive em constantes derrotas: “Sei que nada de bom habita em mim, isto é, em minha carne. Porque tenho o desejo de fazer o que é bom, mas não consigo realizá-lo. Pois o que faço não é o bem que desejo, mas o mal que não quero fazer, esse eu continuo fazendo.” Rm. 7:18 e 19
Tem vida de compromisso com o mundo: “Adúlteros, vocês não sabem que a amizade com o mundo é inimizade com Deus? Quem quer ser amigo do mundo faz-se inimigo de Deus.”  Tg. 4:4. “Não amem o mundo nem o que nele há. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele. Pois tudo o que há no mundo a cobiça da carne, a cobiça dos olhos e a ostentação dos bens não provém do Pai, mas do mundo. O mundo e a sua cobiça passam, mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre. Advertência contra os Anticristos”  1 Jo. 2:15-17
É de Canaã mas está vivendo num verdadeiro deserto. Quando os israelitas chegaram em  Canaã, tiram o opróbrio do Egito. Js.5
Seu linguajar o compromete com expressões viciadas e idólatras, do tipo: “Nossa senhora!”, “Virgem Maria!”, “Viche!”, “Cruz-credo!”, “Bacana” (alusiva a Baco, deus da mitologia grega da sensualidade), piadas indecentes etc.
Prefere os lugares e coisas do mundo, do Egito do que as coisas de Deus e de estar na companhia dos irmãos: Danceteria, barzinho, cinema, TV e Revistas pornográficos; músicas e literaturas mundanas.
Tem os vícios e costumes do Egito: compra rifas, faz sua “fezinha” jogando nas loterias, lê e acredita em horóscopos.
Como se conhece o crente carnal
Tem o EU no trono do coração, e Cristo fica de fora. Tem a bíblia mas não se baseia por ela. Não dá importância à oração e evita os que oram por ele. Não dá o dízimo e arranja desculpas para justificar-se. Não gosta de ir aos trabalhos da igreja, mas pede oração quando o “sapato” aperta. Tumultua as reuniões deliberativas da Igreja. Gosta e toma seus aperitivos alcoólicos justificando que isso não tem importância… É fofoqueiro, sem piedade e misericórdia, anda sempre irado com tudo e com todos, não fala de Cristo aos amigos perdidos, não dá bom testemunho de sua fé em Jesus. Seus negócios são enrolados e não é pontual em seus compromissos.
VI – O CRENTE ESPIRITUAL

É o novo nascido em Cristo e pertence à Canaã celestial: “Portanto, se alguém está em Cristo, é nova criação. As coisas antigas já passaram; eis que surgiram coisas novas!”    2 Co 5:17

Tem a mente de Cristo  e, por isso, inclina-se para as coisas do alto: “Portanto, já que vocês ressuscitaram com Cristo, procurem as coisas que são do alto, onde Cristo está assentado à direita de Deus.” Cl. 3:1
Está perto de Cristo, tem mais luz, poder espiritual, amor, conhecimento da Palavra de Deus – “tem a mente de Cristo”
É responsável pelo seu falar, andar e agir.
Seu retrato está na bíblia:
Sabe discernir entre a verdade e o erro: “a outro (pelo mesmo Espírito), poder para operar milagres; a outro, profecia; a outro, discernimento de espíritos; a outro, variedade de línguas; e ainda a outro, interpretação de línguas.” – 1 Co.12:10
Anda segundo o Espírito: “Pois se vocês viverem de acordo com a carne, morrerão; mas, se pelo Espírito fizerem morrer os atos do corpo, viverão, porque todos os que são guiados pelo Espírito de Deus são filhos de Deus.” Rm.8:13 e 14
Tem maturidade espiritual – passou de criança a adulto espiritual.
Aceita, quer, deseja, busca, recebe o batismo no Espírito Santo: “Vocês receberam o Espírito Santo quando creram?” Eles responderam: “Não, nem sequer ouvimos que existe o Espírito Santo”. “Então, que batismo vocês receberam?”, perguntou Paulo.“O batismo de João”, responderam eles…  Quando Paulo lhes impôs as mãos, veio sobre eles o Espírito Santo, e começaram a falar em línguas e a profetizar.” At 19:1 a 6
Odeia o pecado: “Sabemos que todo aquele que é nascido de Deus não vive em pecado; antes, Aquele que nasceu de Deus (Jesus) o guarda, e o Maligno não lhe toca.” ERA-1 Jo. 5:18.
O mundo está crucificado para ele:  “Quanto a mim, que eu jamais me glorie, a não ser na cruz de nosso Senhor Jesus Cristo, por meio da qual o mundo foi crucificado para mim, e eu para o mundo.” Gl.6:14
A carne está crucificada: “Fui crucificado com Cristo. Assim, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim. A vida que agora vivo no corpo, vivo-a pela fé no filho de Deus, que me amou e se entregou por mim.”  Gl. 2:20
Alcançou a libertação espiritual: “Foi para a liberdade que Cristo nos libertou. Portanto, permaneçam firmes e não se deixem submeter novamente a um jugo de escravidão” Gl 5.1
Vive em constante vitória não obstante as lutas: “Mas graças a Deus, que nos dá a vitória por meio de nosso Senhor Jesus Cristo.” 1 Co. 15:57
Tem amor verdadeiro: “Se alguém afirmar: “Eu amo a Deus”, mas odiar seu irmão, é mentiroso, pois quem não ama seu irmão, a quem vê, não pode amar a Deus, a quem não vê. 21 Ele nos deu este mandamento: Quem ama a Deus, ame também seu irmão.” 1 Jo 4:20-21.
Produz Frutos espirituais: “Eu sou a videira; vocês são os ramos. Se alguém permanecer em mim e eu nele, esse dará muito fruto; pois sem mim vocês não podem fazer coisa alguma.” Jo15:5
Vive em santificação: “Amados, visto que temos essas promessas, purifiquemo-nos de tudo o que contamina o corpo e o espírito, aperfeiçoando a santidade no temor de Deus.” 2 Co 7.1
Busca e recebe o batismo no Espírito Santo: “Mas receberão poder quando o Espírito Santo descer sobre vocês, e serão minhas testemunhas em Jerusalém, em toda a Judéia e Samaria, e até os confins da terra”.” At 1.8
Como se Conhece um Crente Espiritual:
Ama a Palavra de Deus e a obedece por amor: “Como é feliz aquele que não segue o conselho dos ímpios, não imita a conduta dos, pecadores, nem se assenta na roda dos zombadores! Ao contrário, sua satisfação está na lei do Senhor, e nessa lei medita dia e noite.” Sl 1.1
Tem prazer na oração – ora constantemente. É fiel ao Senhor em tudo, principalmente nos dízimos. Ama servir ao Senhor e aos irmãos e os coloca acima dos demais interesses pessoais. Ama a obra de Missões, orando, apoiando e sustentando missionários. É reverente na Casa do Senhor, maduro espiritualmente, respeitado por suas decisões na obra de Deus, está morto para o mundo e o mundo está morto para ele, tem o coração cheio do amor pelas almas perdidas, ama a verdade e a pratica em sua vida diária; é responsável nos seus deveres no trabalho, no lar, na sociedade e na Igreja, é livre em Cristo para louvá-lO, glorificá-lO; alegra-se sempre no Senhor.
Concluindo, irmãos, eu gostaria de deixar estas questões para sua reflexão:

- Com que tipo de homem ou mulher da bíblia Você se identifica: ao homem Natural, ao crente carnal ou ao crente espiritual?

- Você está agora no Egito, no Deserto ou em Canaã?

- Se não for Homem Espiritual, se não estiver em Canaã, Você gostaria que Deus mudasse sua vida hoje mesmo?

- Meu conselho e para que Você deixe Deus – pelo  Seu Espírito Santo – fazer isso em sua vida.

Que Deus assim nos abençoe,

Pr. Ageo Silva


NOTA: Mensagem pregada na IEVY no domingo, 4.10.09.
(Além da bíblia, está baseada no livro “Egito, Deserto e Canaã”, de autoria do Pr. Eneas Tognini, Editora Betânia, 1986)